PRAÇA JÚLIO PRESTES, Nº 16
01218 020 | SÃO PAULO - SP
+55 11 3367 9500
SEG A SEX – DAS 9h ÀS 18h
NOTÍCIAS






 
Floresta Villa-Lobos| Concertos a Preço Popular
26/jan/2023

A menos de um mês da Abertura da Temporada 2023, os rios da Floresta Villa-Lobos voltam a desaguar por aqui. Nos dias 16 e 17 de fevereiro, Orquestra e Coros apresentam o programa que fez história na Sala São Paulo e marcou a nossa estreia no Carnegie Hall em 2022. Em uma grande homenagem ao maior compositor brasileiro, tocamos obras de Villa intercaladas com músicas de Tom Jobim, Clarice Assad, Almeida Prado e outros. Aqui, o fio que une esses afluentes é a natureza, tema essencial no trabalho do artista: "na minha música, eu não ponho mordaça na exuberância tropical de nossas florestas e dos nossos céus, que transporto instintivamente para tudo que escrevo", escreveu. Assim como no ano passado, cada peça será acompanhada por imagens da fauna e da flora capturadas na Amazônia, no Pantanal, em Bonito e na Mata Atlântica, em filmes idealizados por Marcello Dantas e Leandro Lima especialmente para o programa.

 

No pódio, temos o maestro Wagner Polistchuk e, como solistas, a soprano Erika Muniz e a pianista Olga Kopylova, todos os três também integrantes dos nossos corpos artísticos. As apresentações fazem parte do projeto "Concertos a Preço Popular" e os ingressos custam R$ 30 (inteira). Garanta seu ingresso AQUI

 

16 FEV QUI 19h30

17 FEV SEX 19h30

ORQUESTRA SINFÔNICA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CORO DA OSESP
CORO ACADÊMICO DA OSESP

WAGNER POLISTCHUK regente
ERIKA MUNIZ soprano
OLGA KOPYLOVA piano

MARCELLO DANTAS concepção visual

 

Clarice ASSAD
Nhanderú


Heitor VILLA-LOBOS
Choros nº 3 – Pica-pau


Edino KRIEGER
Canticum Naturale: Monólogo das Águas


Heitor VILLA-LOBOS
Alma Brasileira


José Antonio ALMEIDA PRADO
Sinfonia dos Orixás [Seleção]


Heitor VILLA-LOBOS
A Floresta do Amazonas: Cair da Tarde


Marco Antônio GUIMARÃES
Onze


Philip GLASS
Águas da Amazônia [Seleção]


Heitor VILLA-LOBOS
Bachianas Brasileiras nº 4: Coral e Ária


Tom JOBIM
Boto e Passarim


Heitor VILLA-LOBOS
Choros nº 10 - Rasga o Coração [Seleção]

 

Os concertos da Floresta Villa-Lobos têm o apoio da Suzano por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Realização: Fundação Osesp, Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, Ministério da Cultura e Governo Federal.

 
Novo lançamento da Osesp pelo Selo Naxos
01/jan/2023

 

Nosso último lançamento pelo Selo Naxos acaba de sair do forno! O álbum é dedicado à música de Claudio Santoro e traz as quinze Fantasias Sul América e a Sonata para Violino Solo, tocadas por integrantes da Orquestra (veja a relação completa abaixo).

 

Livremente atonais e altamente virtuosísticas, as Fantasias correspondem aos últimos dez anos de produção do compositor manauara e se tornaram o conjunto mais significativo de obras do gênero no Brasil. Interpretada por Emmanuele Baldini, a Sonata é peça da fase inicial de Santoro, mas já demonstra suas primeiras incursões na escrita dodecafônica e a necessidade de experimentação acima de qualquer regra.

 

Confira AQUI o disco nas plataformas de streaming. Você também pode garanti-lo em CD, na Loja Clássicos — na Sala São Paulo, e em estabelecimentos especializados. 

____

 

Claudio Santoro — Fantasias Sul América e Sonata para violino solo faz parte do projeto Brasil em Concerto, uma parceria do Departamento de Difusão Cultural do Ministério das Relações Exteriores com três orquestras brasileiras — além de nós, fazem parte as Filarmônicas de Minas Gerais e de Goiás —, a Academia Brasileira de Música e, claro, a Naxos.

 

Músicos: Nathalia Áurea (soprano), Claudia Nascimento (flauta), Arcádio Minczuk (oboé), Ovanir Buosi (clarinete), Alexandre Silvério (fagote), Luiz Garcia (trompa), Davi Graton (violino), Emmanuele Baldini (violino), Horácio Schaefer (viola), Rodrigo Andrade (violoncelo), Pedro Gadelha (contrabaixo), Fernando Dissenha (trompete), Wagner Polistchuk (trombone), Filipe Queirós (tuba) e Olga Kopylova (piano), assim como o violonista Fábio Zanon (convidado). Toda gravação e masterização foram feitas por nós, uma parceria do Coordenador do Centro de Documentação Musical da Osesp Antonio Carlos Neves Pinto, o Produtor de Áudio Guilherme Triginelli e a equipe Técnica da casa.

 
Academia 2023 | Processo Seletivo
01/jan/2023

Confira o processo seletivo para ingressar na Academia de Música da Osesp e se aperfeiçoar profissionalmente!

 

Classes de Canto (soprano, contralto, tenor e baixo) e Instrumentos (viola e violino): inscrições abertas de 23 a 27 de janeiro.

 

Pré-requisitos:
— Podem participar alunos brasileiros e estrangeiros em situação regular e com residência fixa no Brasil ou em qualquer país da América do Sul, com idade entre 16 e 27 anos (Classe de Instrumento) e 18 anos e 35 anos (Canto);
— Na primeira fase é preciso enviar currículo, ficha de inscrição preenchida e uma gravação em vídeo de acordo com as especificações do edital, onde você encontra todas as informações sobre as etapas seguintes;
— É necessário dedicação exclusiva e disponibilidade para aulas e atividades pedagógicas em todos os períodos.

 

Bolsas Filantrópicas: serão oferecidas 16 vagas para candidatos que comprovem renda familiar bruta mensal per capita que não exceda o valor de um salário mínimo e meio.

 

Classe de Regência: inscrições abertas entre os dias 6 a 9 de fevereiro.
Pré-requisitos:
— Podem participar alunos brasileiros e estrangeiros em situação regular e com residência fixa no Brasil ou qualquer país da América do Sul, com idade entre 16 e 38 anos;
— A seleção será realizada em quatro etapas: pré-seleção, fase eliminatória e duas classificatórias.

 

Confira os editais completos e as informações detalhadas sobre as bolsas filantrópicas:

CLASSE DE REGÊNCIA

CLASSE DE CANTO

CLASSE DE INSTRUMENTOS

 
Estamos de férias!
23/dez/2022

Depois de um ano com mais de 130 concertos na Temporada Vasto Mundo, em festivais, itinerantes e uma turnê histórica pelos Estados Unidos, teremos um merecido descanso. A música volta em 2023: serão cerca de 120 apresentações de nossos corpos artísticos na Temporada Sem Fronteiras, além de muitas surpresas que virão por aí.


Enquanto isso, que tal matar a saudade com nosso acervo no YouTube? 

 

 

 

Até fevereiro!

 
Lamentamos o falecimento de Edino Krieger
07/dez/2022

Lamentamos o falecimento de Edino Krieger, compositor, produtor cultural, maestro, crítico musical e querido amigo da Osesp. Nascido em Brusque, Santa Catarina, em 17 de março de 1928, começou a estudar violino aos sete anos com seu pai, Aldo. Foi discípulo de Koellreutter, Copland, Milhaud e Lennox Berkeley; integrante do Grupo Música Viva, que reunia jovens compositores da vanguarda brasileira; gestor da Funarte, do Museu de Imagem e Som, do Instituto Nacional de Música, da Sala Cecília Meireles e de outras muitas instituições fundamentais, além de criador da Bienal de Música Brasileira Contemporânea; e autor de diversas obras que são tocadas em palcos do Brasil e do mundo — isso para citar apenas algumas de suas incontáveis e incansáveis contribuições à cultura no país.

 

Dentre as partituras que escreveu, três delas foram dedicadas a nós (o que muito nos honra!): a Fanfarra sobre motivo do Hino Nacional (2010), a Fantasia Concertante (2016) e a Passacalha para o Novo Milênio. Composta em 1999 e estreada em 2000, sob regência do maestro Roberto Minczuk, a Passacalha... nos acompanhou em turnês pelos Estados Unidos e Europa, foi registrada por nós no disco "Danças Brasileiras", lançado pela BIS em 2011, e é um dos primeiros títulos a integrar o catálogo da Editora Osesp. A música de Edino também nos acompanhou em nossa última visita aos Estados Unidos, em outubro deste ano. Em North Bethesda e no Carnegie Hall, em Nova York, tocamos o "Monólogo das Águas", parte de seu Canticum Naturale (1972), sob regência de Marin Alsop e com a soprano Camila Titinger como solista — é um trecho dele que você assiste aqui, executada na Sala São Paulo em setembro.

 

A Edino Krieger o nosso muito obrigado! A Fundação Osesp deixa seu carinho a Neném Krieger, sua esposa, seus três filhos e demais familiares.

 
A Fundação Osesp deseja a todos boas festas e um feliz 2023!
21/nov/2022

Somos muitos construindo a Osesp que você assiste, acompanha, apoia e ama. E hoje é em nome de todos que desejamos que a alegria que nasce em nosso palco esteja sempre com você e com seus familiares. No espírito da Nona de Beethoven – transbordando ideais de liberdade, igualdade e fraternidade –, seguimos juntos no próximo ano que virá. Boas festas e feliz 2023!

 

 

 
Alterações nos programas de dezembro da Osesp
15/nov/2022

Nosso Diretor Musical Thierry Fischer não poderá estar conosco nos três últimos programas do ano devido a uma pequena, mas inadiável cirurgia. Desta forma, algumas alterações foram necessárias a fim de acomodar as mudanças de maestros e, consequentemente, de repertórios. “Não poder estar com vocês para reger os concertos incríveis planejados para dezembro me deixa imensamente triste, mas sei que estarão nas ótimas mãos dos colegas Ira Levin, Gilbert Varga e Christopher Allen. Estou muito animado para me reencontrar com todos em março de 2023, quando vou dirigir a nossa Osesp na Terceira Sinfonia de Mahler e na Quinta de Sibelius, além de todos os programas maravilhosos que a próxima temporada nos reserva”, escreveu Thierry.

Nos dias 1, 2 e 3 de dezembro, receberemos Ira Levin. O maestro já dirigiu os teatros municipais de São Paulo e do Rio de Janeiro e o Teatro Nacional, em Brasília, além de ter sido Regente Convidado Principal do Teatro Colón, em Buenos Aires. Já esteve no pódio de orquestras como a Gewandhaus de Leipzig e a Staatskapelle de Dresden e gravou com a Sinfônica de Londres e com a Orquestra Nacional da Escócia. Seguimos com o pianista convidado Andreas Haefliger, que tocará o Concerto nº 1 de Brahms no lugar da peça de Dieter Ammann originalmente programada. O Prelúdio à Sesta de um Fauno de Debussy e as Bachianas Brasileiras nº 2 de Villa-Lobos serão tocados conforme planejado.
 
Dias 8, 9 e 10, nossa Orquestra estará sob regência de Gilbert Varga. O húngaro-britânico já foi Regente Principal Convidado da Sinfônica de Malmö, Diretor Musical da Orquestra Nacional Basca e Regente Principal da Sinfônica de Taipei, dentre outros muitos cargos. Atuou com diversas orquestras, como as de Paris e da Filadélfia, a Filarmônica de Oslo e a Sinfônica de Sydney, além da própria Osesp. A violinista Baiba Skride seguirá interpretando o Concerto de Korngold, e a peça Le Boeuf sur le Toit, de Milhaud, também será mantida. No lugar da Terceira de Sibelius, o público ouvirá as duas suítes de Peer Gynt, de Grieg.

Encerrando a Temporada 2022, em 15, 16, 17 e 18, daremos as boas-vindas a Christopher Allen. Vencedor da The Sir Georg Solti Conducting Award de 2017 e do Bruno Walter Conducting Award and Memorial Career Grant de 2016, o jovem maestro norte-americano tem sido especialmente elogiado por suas colaborações no universo do teatro lírico — regeu, por exemplo, as óperas de Los Angeles, da Filadélfia, de Atlanta e de Chicago, as óperas nacionais Inglesa, de Washington e da China. Allen fará sua estreia com a Osesp dirigindo a Nona Sinfonia de Beethoven.

 
Mudanças na diretoria e nova governança na Fundação Osesp
27/out/2022

 

Após 13 anos dedicados à construção de uma programação de alto nível, ao incentivo à música brasileira e a dar um sentido de curadoria a todas as atividades da Fundação Osesp, Arthur Nestrovski deixará a Direção Artística da instituição. “A decisão vinha sendo amadurecida há um bom tempo, em conversas com o presidente do Conselho de Administração, Pedro Parente, e com o Diretor Executivo, Marcelo Lopes. É hora de a instituição renovar as reservas de energia para tocar o projeto, que exige uma infinita carga de dedicação”, afirma Nestrovski, em carta que pode ser lida na íntegra aqui.

 

NOVA ESTRUTURA
A conclusão do ciclo de Nestrovski coincide com um momento em que a Osesp se orienta a novos objetivos e permite uma reorganização de sua governança a fim de atingi-los.

 

A partir da Temporada 2024, as decisões relativas à programação artística passarão à liderança direta de Thierry Fischer, que incorporará parte das atividades da atual Diretoria Artística a seu escopo como Diretor Musical e Regente Titular da Osesp. Sob a gestão de Fischer, a construção da programação e escolha dos convidados levará em conta sua visão sobre repertórios, estilos e competências que, a seu ver, enriquecerão a capacidade musical da Orquestra e demais corpos artísticos.

 

Caberá a Fischer articular e implementar a visão de longo prazo para todos os corpos artísticos da Fundação. As demais atividades da Direção Artística serão distribuídas entre Fischer e sua equipe e Marcelo Lopes e o time da Direção Executiva, com intensa colaboração em frentes como os Programas Educacionais e projetos de difusão pelo estado.

 

HOMENAGEM AO ENCERRAMENTO DE CICLO E PASSAGEM DE BASTÃO
Como forma de marcar a conclusão do ciclo de Nestrovski e comemorar as conquistas de seus 13 anos como Diretor Artístico, Fischer dedicará o concerto de encerramento da Temporada (18/dez) ao colega, em que regerá a Nona Sinfonia de Beethoven.

 
ASSINE A TEMPORADA 2023
17/out/2022

Seja um Assinante Osesp e garanta um ano inteiro de música sem fronteiras, em pacotes cheios de benefícios.

 

CONFIRA A TEMPORADA 2023 AQUI

 

 

As vendas de Assinaturas são divididas em três etapas: Renovação, Troca e Novas Assinaturas. Confira os detalhes da terceira fase:

 

NOVAS ASSINATURAS FIXAS

De 7 de novembro a 29 de dezembro

Compre um ou mais pacotes de Assinaturas, sendo possível escolher entre as séries de concertos Sinfônicos, do Coral, Quinteto e Recital.

 

FAÇA SUA ASSINATURA FIXA AQUI

 

NOVAS ASSINATURAS FLEXÍVEIS

De 16 de novembro a 29 de dezembro

Você cria sua própria série – com no mínimo quatro apresentações – selecionando entre concertos Sinfônicos, do Coro e Quinteto Osesp e dos Recitais, com programas, datas, cadeiras e horários que preferir, de acordo com seus favoritos. Fique à vontade para imaginar seu ano sem fronteiras com a Osesp. Mas, caso precise de uma ajuda, veja nossas sugestões de pacotes possíveis

 

FAÇA SUA ASSINATURA FLEXÍVEL AQUI

 

 

Atenção: se você é Assinante em 2022 e perdeu o prazo para renovar, entre em contato conosco! O seu lugar ainda pode estar livre para que você o adquira para 2023.

 

 

IMPORTANTE:

- A venda de Assinaturas Flexíveis para os concertos de 26, 27, 28 e 29/10/2023 iniciará em breve. Pedimos que aguarde, por gentileza.

- Os assinantes que possuem crédito conosco podem utilizá-los na renovação ou aquisição de novas assinaturas. Para isso, basta inserir o CPF do titular no campo de cupom de desconto ao fim da compra;

- Pela primeira vez, os assinantes podem nomear suas cadeiras para acompanhantes. Essa operação é opcional;

 

 
Ouça de sua casa a estreia da Osesp no Carnegie Hall
13/out/2022

No dia 14 de outubro, às 20h, nossa estreia histórica no palco do Carnegie Hall será transmitida ao vivo na Rádio MEC e na WQXR – New York's Classical Music Radio Station, rádio de Nova York especializada em música clássica. O concerto mostra nossos músicos em "Sheherazade", de Korsakov, e em peças do maior compositor brasileiro, Villa-Lobos, incluindo o "Concerto para Harmônica", com José Staneck como solista, e o “Choros n° 10”, com o Coro.

 

Caso não possa se juntar a nós, não se preocupe: no dia seguinte (15), às 16h, a Rádio Cultura exibe a gravação da apresentação. Confira abaixo como sintonizar os canais pelo rádio ou diretamente nos sites:

 

14/out, às 20h (horário do Brasil)

📻Rádio MEC
Rio de Janeiro 99,3 FM e 800 AM • Belo Horizonte 87,1 FM• Brasília 87,1 FM e 800 AM
radiomec.ebc.com.br

 

📻WQXR | New York's Classical Music Radio Station
WQXR 105.9 FM (EUA)
wqxr.org

 

15/out, às 16h

📻Rádio Cultura
103.3 FM
cultura.uol.com.br/radio/